Cursos abertos e as novas tecnologias no ensino

PVUSD_student_using_GoogleApps
Estudante navega em site de ensino à distância / Jeff Billings CC BY-SA 3.0

Uma modalidade de ensino à distância, os cursos online aberto e massivo (MOOCs) estão cada vez mais populares. Há quem faça e há quem procure, embora a desistência ou a interrupção sejam frequentes. Os cursos podem apresentar o conteúdo textualmente, com imagens e vídeos, cada qual com seus formatos. Um texto corrido é diferente de um construído em tópicos ou slides, assim como uma entrevista em vídeo com um especialista é diferente de um vlog, por exemplo. Por efeito, o aluno se interessa e apreende mais por um meio do que por outro. Encontrar uma linguagem que envolva e ensine é um desafio da criação de um curso online de jornalismo científico pelo NeuroMat.

Continue Lendo “Cursos abertos e as novas tecnologias no ensino”

Anúncios

Revista Pesquisa FAPESP: Produção científica acessível

*Por Fabrício Marques

O Brasil se destaca no panorama internacional do acesso aberto, movimento lançado no início dos anos 2000 com o objetivo de tornar a produção científica disponível on-line e sem custo para os leitores. Segundo dados compilados pelo grupo de pesquisa espanhol Scimago, 33,5% dos artigos de autores brasileiros indexados na base de dados Scopus em 2016 foram divulgados em periódicos que oferecem livremente para leitura na web todo o seu conteúdo assim que ele é publicado, num modelo conhecido como “via dourada”. Trata-se da maior proporção entre as 15 nações com maior volume de produção científica cadastrada na Scopus. O país também se distingue no ranking das nações com maior número de periódicos científicos de acesso aberto (ver quadros).

Continue Lendo “Revista Pesquisa FAPESP: Produção científica acessível”

Revista Pesquisa FAPESP: Desafios globais da divulgação científica

*Por Patricia Santos

Compartilhar e explicar para públicos variados os avanços científicos que surgem cotidianamente nas diversas áreas do conhecimento são desafios comuns a cientistas e comunicadores de todo o mundo. A dificuldade em conseguir financiamento para essas atividades também. Para apresentar e debater experiências de divulgação, a União Europeia financiou por meio do programa Erasmus+ um evento de formação de divulgadores científicos. Realizado entre 3 e 12 de julho na cidade de Maratona, na Grécia, o STEAM Summer School resulta de parceria entre as universidades de Malta (República de Malta), Haag-Helia (Finlândia), Rhine-Waal (Alemanha), Edimburgo (Escócia), Associação Helênica de Jornalistas de Ciência Science View (Grécia) e a União Europeia de Associações de Jornalistas de Ciência.

Continue Lendo “Revista Pesquisa FAPESP: Desafios globais da divulgação científica”

Wikidata Lab I

  • Por Tamires Ansanelo

No dia 05 de outubro de 2017 ocorreu no Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão em Neuromatemática (CEPID NeuroMat) o Wikidata Lab I, que consistiu em um treinamento de integração do Wikidata com a Wikipédia em português, especialmente para a automatização de infocaixas. O evento foi oferecido pelo Grupo de Usuários Wikimedia no Brasil e pelo CEPID Neuromat, com o apoio da FAPESP.

No treinamento, tivemos a oportunidade de compreender processos de automatização de infocaixas, o que viabiliza a integração dos dados do Wikidata com verbetes da plataforma Wikipédia. As atividades do período da tarde consistiram na realização automatização de infocaixas na Wikipédia em português na prática.

Eventos como esse enriquecem nosso aprendizado, tornando atividades que podem ser trabalhosas (como criar e colocar informações em uma infocaixa manualmente, por exemplo) em uma tarefa simples e eficiente. Visto que as informações uma vez salvas no Wikidata estarão disponíveis para outras plataformas, o que não ocorre se essas estiverem somente em uma infocaixa. O evento também nos  permite compreender a importância das relações entre as plataformas Wikimedia para uma melhor divulgação do conhecimento construída por seus usuários.

Wikidata Lab I: Infocaixas automáticas

  • Por Lucas Belo

O primeiro treinamento em Wikidata ocorreu no dia 05 de outubro de 2017, no CEPID NeuroMat, com o objetivo de instruir em práticas que visam a integração do Wikidata com a Wikipédia em português. Nessa edição, o foco principal foi a automatização de infocaixas. O evento foi coordenado pelo wikimedista Éder Porto do Grupo de Usuários Wikimedia no Brasil e bolsista do CEPID NeuroMat. 

Infocaixas, como o nome sugere, são quadros que possuem informações de forma objetiva, clara e organizada. Na Wikipédia, costumam estar dispostas na lateral superior direita dos verbetes, de modo a apresentar os principais dados relacionados ao assunto do artigo. Sua criação pode ser por meio de códigos estruturados, localizados na predefinição temática que se pretende usar. 

Infocaixas automáticas baseiam-se nos dados existentes no Wikidata, tornando a sua criação mais eficiente e precisa. Por exemplo, ao se usar uma infocaixa automática o colaborador deve inserir somente uma linha de código e a infocaixa já estará pronta, de forma que caso queira acrescentar alguma informação, deve adicioná-la no Wikidata para que apareça automaticamente no verbete. O treinamento girou em torno da criação de infocaixas automáticas conforme modelos apresentados, como por exemplo infocaixas para verbetes de nervos e poliedros.

Estudantes editores e Prêmios Nobel

Por Ian Ramjohn*

Na segunda-feira de manhã, saiu a notícia de que o Prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina de 2017 havia sido concedido a Jeffrey C. Hall, Michael Rosbash e Michael W. Young. Cientistas raramente são bem conhecidos pelo público e estes não estavam entre os favoritos para ganhar o Nobel. Se você correu para a Wikipédia em inglês para descobrir quem são, encontrou biografias bem escritas que fornecem uma visão geral de suas carreiras acadêmicas e, o mais importante, discutem a importância de suas pesquisas. Se não fosse por estudantes dos programas da Wiki Education Foundation, no entanto, você teria se decepcionado.

Continue Lendo “Estudantes editores e Prêmios Nobel”