Indagações sobre o real nas obras de Vik Muniz

vikmuniz
Perfect Strangers, de Vik Muniz (crédito: Wikimedia Commons)

Por Giulia Ebohon

O artista plástico brasileiro Vik Muniz é conhecido por utilizar materiais inusitados na composição de fotografias que remetem a imagens conhecidas. A forma como ele manipula e expõem suas obras serviu em 2010 como objeto de estudo para a profa. Dulcilia H. Schroeder – atualmente professora permanente do Mestrado Profissional em Produção Jornalística e Mercado da ESPM – no artigo Fotografia, Arte, Comunicação: escritas indiciais.

Continue Lendo “Indagações sobre o real nas obras de Vik Muniz”

Anúncios

NeuroMat apresenta trabalhos no Intercom 2016

intercom-joao-peschanski-1
João Alexandre Peschanski apresenta artigo “Wikipédia contra a ignorância racional” no Intercom 2016. Crédito: Wikimedia Commons/CEPID NeuroMat, CC BY-SA 4.0

Por Marília Carrera

Entre os dias 05 e 09 de setembro, a Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP) sediou o XXXIX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, o Intercom 2016. O Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão em Neuromatemática (CEPID NeuroMat) marcou presença na Intercom, que recebe cerca de 3,5 mil participantes por ano, incluindo alunos de graduação e de pós-graduação, pesquisadores e outros profissionais da área da Comunicação. Os membros da equipe de difusão científica do NeuroMat, David Alves, Marília Reinato Carrera e João Alexandre Peschanski, apresentaram três artigos acadêmicos nesta edição do evento, que teve como tema Comunicação e Educação: Caminhos Integrados para um Mundo em Transformação. Continue Lendo “NeuroMat apresenta trabalhos no Intercom 2016”

Wiki-difusão: uma nova forma de divulgar ciência

Por David Alves

Uma parte fundamental na ciência está no ato de torná-la pública, seja para a comunidade científica ou para a população geral, e esse é um processo de comunicação. A divulgação da ciência é um trabalho preciso e delicado, principalmente quando feita para além do meio acadêmico, pois a maioria das pessoas ainda não está familiarizada com os processos envolvidos na produção de ciência. Quando vistos individualmente os erros até podem passar despercebidos, mas se acumulam em uma cultura científica deficiente, incapaz de sustentar uma comunidade ativa e fértil. Por isso, é preciso sempre questionar, investigar e pesquisar os métodos a serem utilizados. Aqui no NeuroMat, o que tentamos desenvolver é uma nova forma de difusão científica através de ferramentas 2.0, especificamente a Wikipédia, o que chamamos de “wiki-difusão”. Continue Lendo “Wiki-difusão: uma nova forma de divulgar ciência”