Newsletter de dezembro na Wikimedia Outreach

* Por Giovanna Fontenelle

No mês de dezembro de 2018, produzi um relato publicado como uma newsletter na plataforma Wikimedia Outreach. Neste artigo, descrevi o trabalho desenvolvido pelo Google, o Google Arts & Culture, na Pinacoteca do Estado de São Paulo e no Museu Paulista da USP e como este projeto se alinha e é reaproveitado pelo GLAM-Wiki desta segunda instituição. 

Ambas as iniciativas são discutidas nos meus artigos acadêmicos, desenvolvidos no contexto da bolsa de Jornalismo Científico no CEPID NeuroMat, sobre “Novas Mídias na Construção de Projetos Museológicos”: o “A obra de arte na era das convergências digitais” e “Os acervos na era das convergências digitais”.

Na newsletter, em primeiro lugar, abordei as particularidades do site, as suas ramificações e ferramentas, como o gigapixel e o Street View. Em seguida, utilizei o exemplo da Pinacoteca como um caso ilustrativo na plataforma com relação ao Brasil.

Em seguida, falei sobre a questão do reaproveitamento das obras em gigapixel pelo GLAM do Museu Paulista no Commons.

Para ver a publicação na íntegra, acesse este link.

Anúncios

As iniciativas GLAM na palestra ARTEFoco, da USCS

Palestra_na_USCS
Giovanna Fontenelle, Thomaz Pacheco e Caio Bruno no evento ARTEFoco na Universidade São Caetano do Sul (Crédito: Wikimedia Commons/Joalpe – Own work, CC BY-SA 4.0)

No dia 15 de maio de 2018, a Universidade de São Caetano do Sul realizou o evento ARTE Foco. Para falar sobre as iniciativas GLAM (Galeries, Libraries, Archives and Museums), da Wikipédia, a jornalista e bolsista do CEPID NeuroMat, Giovanna Fontenelle, foi convidada.

Durante sua fala, a bolsista abordou o histórico dos GLAM no mundo, o seu início e alguns participantes bastante relevantes da iniciativa. Além disso, também tratou do seu próprio envolvimento com os projetos Wikimedia, sobretudo sua atuação junto ao GLAM desenvolvido com o Museu Paulista da USP.

Como o público do evento era composto por estudantes universitários, muitos não conheciam todas as plataformas Wikimedia. Por isso, também foi apresentado o contexto geral do funcionamento da Wikipédia, assim como outros projetos ligados ao site.

Já que o tema principal da palestra era arte na região do ABC de São Paulo, principalmente na cidade de São Caetano do Sul, a bolsista buscou mostrar como a Wikipédia e o Wikimedia Commons podem ser plataformas que a população pode usar para se apropriar das obras de arte derivadas da região, assim como ferramentas para o carregamento de itens pelos próprios estudantes ali presentes, ajudando a conectar a cidade à Wikipédia.

Para servir como exemplo, a bolsista mostrou o carregamento de imagens de obras de arte do Museu Paulista e como essa iniciativa ajudou a conectar a instituição à plataforma, assim como auxiliou no aumento do conhecimento e das informações disponíveis online sobre o museu e a história do Brasil.

No evento, também estavam presentes Caio Bruno, supervisor do Museu Histórico Municipal e assessor de Comunicação da Fundação Pró-Memória de São Caetano do Sul, e Thomaz Pacheco, galerista e curador da Pinacoteca de São Bernardo do Campo e fundador da Galeria OMA.

 

Relato do evento “Olhares sobre o Museu do Ipiranga”

Olhares_sobre_o_Museu_do_Ipiranga_2017_044
Participantes do evento “Olhares sobre o Museu do Ipiranga” (Crédito: Sturm/Wikimedia Commons)

* Por Tamires Ansanelo

Foi realizada, no dia 11 de novembro de 2017, uma visita educativa ao Parque da Independência e ao Museu Paulista. À época do evento, o Museu estava fechado para reforma, tendo a nossa caminhada sido realizada pela parte externa do Museu. A visita foi organizada pela equipe educativa do Museu Paulista, com uma parceria entre o Museu Paulista, o CEPID NeuroMat, a Coordenadoria de Cultural Geral da Faculdade Cásper Líbero e o Grupo de Usuários Wikimedia no Brasil.

Foi uma atividade interessante, pois exploramos parte do Museu e do Parque da Independência, tirando fotos durante a nossa caminhada, imagens essas que depois do evento, foram carregadas no Wikimedia Commons. Como também adquirimos mais conhecimento sobre a história do Museu do Ipiranga e seu espaço, uma vez que a instituição é um das mais visitadas da capital e um dos mais importante da Universidade de São Paulo.

Eventos como esse nos fazem ampliar nosso conhecimento cultural sobre a história do nosso povo e do nosso país, como também disponibilizar o conhecimento construído de forma gratuita, como por exemplo as fotos carregadas no Wikimedia Commons. Por fim, o mais interessante foi analisar as fotos tiradas pelos participantes do evento, pois é possível perceber como cada um tem uma percepção única sobre o espaço.

O processo de copyright das pinturas do Museu do Ipiranga

Júnior,_José_Ferraz_de_Almeida_-_Partida_da_Monção
O quadro “Partida da Moção”, de Almeida Júnior, foi uma das obras carregadas na Wikimedia Commons pela equipe NeuroMat, através da parceria com o Museu Paulista da USP (Crédito: Wikimedia Commons / Domínio Público / Acervo do Museu Paulista da USP)

* Por Giovanna Fontenelle

A terceira etapa na parceria do Museu Paulista com o NeuroMat é o carregamento de todo o acervo de quadros em domínio público da instituição no Commons, a plataforma multimídia dos projetos Wiki, e no Wikidata. Para esta atividade, o Ipiranga forneceu os dados de 1054 imagens, entre pinturas à óleo, estudos e desenhos.

Continue Lendo “O processo de copyright das pinturas do Museu do Ipiranga”

NeuroMat disponibiliza fotografias de São Paulo tiradas por Werner Haberkorn

* Por Giovanna Fontenelle

A segunda etapa na parceria do Museu Paulista com o NeuroMat, em 2018, foi o carregamento de 63 imagens do fotógrafo Werner Haberkorn no Commons, a plataforma multimídia dos projetos Wiki, e no Wikidata. Estes arquivos pertenciam ao acervo da instituição, mas não estavam em domínio público, já que o artista viveu até 1997.

Continue Lendo “NeuroMat disponibiliza fotografias de São Paulo tiradas por Werner Haberkorn”

NeuroMat disponibiliza as pinturas em domínio público do Museu do Ipiranga

* Por Giovanna Fontenelle

O carregamento mais recente da equipe do NeuroMat em parceria com o Museu Paulista foi o das pinturas em domínio público da instituição. No total, 223 itens foram adicionados ao Commons e ao Wikidata.

Continue Lendo “NeuroMat disponibiliza as pinturas em domínio público do Museu do Ipiranga”

Como funciona a categorização interna das obras do Museu do Ipiranga

Graças a uma parceria, o NeuroMat desenvolve um projeto que pretende carregar todo o acervo do Museu Paulista da USP no Commons, a plataforma multimídia dos projetos Wiki. Para alcançar este objetivo, a equipe atuante utiliza o Icono, o banco de dados do Ipiranga e do Museu Republicano.

Continue Lendo “Como funciona a categorização interna das obras do Museu do Ipiranga”