A Wikipédia como fonte confiável para a saúde

Ebola_Virus_(2)
Micrografia do vírus Ebola mostrando o brotamento do vírus na superfície de uma célula Vero (linha celular epitelial de rim de macaco) Por NIAID (Ebola Virus) [CC BY 2.0], via Wikimedia Commons
Por Vinicius Siqueira

A Internet tem sido cada vez mais utilizada como ferramenta de busca de informações sobre saúde, um tema que desperta especial curiosidade na população. Neste cenário, a Wikipédia tem se destacado como uma importante fonte de consulta para os usuários da rede, tanto para leigos como para estudantes e profissionais da área. É o que diz o relatório do Instituto IMS Health, que coloca a Wikipédia como a principal fonte de informação médica. Continue Lendo “A Wikipédia como fonte confiável para a saúde”

Anúncios

Para a Wikipédia, o doutor está na sala… de aula

Imagem: Modifica a partir do Noun project 579.svg por Jack Biesek, Gladys Brenner, Margaret Faye, Healther Merrifield, Kate Keating, Wendy Olmstead, Todd Pierce, Jamie Cowgill e Jim Bolek – The Noun Project, CC0.
Imagem: Modificada a partir do Noun project 579.svg por Jack Biesek, Gladys Brenner, Margaret Faye, Healther Merrifield, Kate Keating, Wendy Olmstead, Todd Pierce, Jamie Cowgill e Jim Bolek – The Noun Project, CC0.

Por Eryk Salvaggio, tradução de David Alves

Quando a maioria das pessoas quer entender os efeitos colaterais de um medicamento ou diagnosticar uma nova dor ou erupção cutânea, a primeira linha de investigação para conselhos médicos é um doutor chamado Google.

Muitas – se não a maioria – dessas buscas acaba na Wikipédia. A enciclopédia online tem 25.000 artigos de medicina, vistos por mais de 200 milhões de pessoas por mês.

Continue Lendo “Para a Wikipédia, o doutor está na sala… de aula”